} // mmLoadMenus() Notas do Velho Safado - By Hank - Quinta "Rodada"


Titties and Beer

Li uma matéria na Folha, que o Conar, órgão que regulamenta a publicidade no Brasil, está pegando no pé da Antarctica e outras cervejarias por causa da conotação sexual nos comerciais. Segundo eles aquelas propagandas da Juliana Paes no “Bar da Boa” ou da Karina Bacchi e Adriana Galisteu como namoradas do baixinho da Kaiser deveriam sair do ar.

 

Eu acho que o Conar deveria se preocupar com outras coisas. Vejo, por exemplo, propagandas oferecendo soluções milagrosas para perder sua barriga de hipopótamo enquanto dorme e nunca vi o Conar implicar com isso.

 

Eu acho a publicidade de cerveja no Brasil PÉSSIMA. Já fiz um post sobre isso há um tempo atrás (post de 03/01/2005) e acho que só piorou. Ta certo, tem gente que não gosta de mulher e deve ficar ofendido ao ver a Juliana Paes de biquíni. Eu não gosto de samba e nem por isso eu vou pedir pra tirarem o Zeca Pagodinho da propaganda da Brahma.

 

Se dependesse de mim iria ter mulher gostosa em todos os comerciais e foda-se. Eu fico muito, mas muito ofendido mesmo quando abusam da minha inteligência. Afinal o que dizer daqueles bordões do “Experimenta” ou do terrível “Na, na, na na”. Eu me recuso a voltar á falar com o vocabulário que tinha com seis meses de idade. O cara toma Pepsi quando criança e fica  falando “dá dá dá”, daí cresce e fala “na, na, na, na”...Quanta evolução

 

Acho engraçado o Conar brigar com as cervejarias por colocarem mulheres gostosas nos comerciais, pois todo mundo faz isso, independente do tipo do produto anunciado. Tiram a Juliana vestida da tela e o comercial seguinte é um anúncio da programação de carnaval da Globo, com uma mulata rebolante completamente nua, coberta  por um punhadinho de purpurina em algum “lugares estratégicos”.

 

Não consigo entender isso. Claro que algum “iluminado” vai falar que as gostosas associadas ao álcool incentivam a imagem que o camarada bebe é mais bem sucedido sexualmente. Então se é assim, a mulherada pelada no Carnaval é pra incentivar o turismo sexual? Tudo depende da forma que se olha.

 

As feministas reclamam do uso da “mulher-objeto”, ta bom, só que até hoje não vi nenhuma reclamar daqueles comerciais da Casas Marisa, com uns atores bonitões sussurrando no ouvido das clientes da loja. Nem me consta que os inúmeros comerciais com o Gianechini sejam estrelados devido ao seu elevado talento artístico.

 

O álcool ajuda as pessoas feias a fazerem sexo desde que o mundo é mundo. Quantas pessoas já foram dormir com a Fiona e acordaram com o Sherek do lado? Como diz um amigo meu, ele nunca dormiu com uma mulher feia, mas acordou do lado de várias, há, há, há.

 

Cheers,

 

Hank

 


Som do dia; “Titties and Beer” do Frank Zappa


 



- Postado por: Hank às 17h46
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Rock This Bitch

Existe um emprego deveras rentável, com ótimos benefícios como carros de luxo, as roupas que sonhou, viagens de primeira classe para qualquer lugar do mundo e empregados para satisfazer qualquer capricho. Para esse emprego você, minha amiga, só precisa fazer uma única coisa: Dar. Calma, não estou falando pra dar pra todo mundo, basta dar para um milionário e pronto.

 

Vejam o caso, por exemplo, da ex do Paul McCartney. Vai me dizer que ela um dia sequer teve que lavar o banheiro, passar as roupas do marido, cozinhar, limpar o jardim ou desentupir a pia cheia de gordura da feijoada do almoço. Duvido que ela um dia tenha lavado s cuecas do marido, costurado a meia furada, ido á uma reunião de pais e mestres na escola da filha ou limpado a sala depois de uma festinha do marido com os amigos. Nunca fez nada disso porque tinha empregados pra fazer tudo. Sua única função no papel de esposa era deitar-se, abrir a perna (como ela só tinha uma tinha menos trabalho ainda he, he, he) e dar pro ex-Beatle. Se a foda estivesse sem graça ela poderia fingir e tudo bem. Agora depois de poucos anos ela recusa uma proposta no valor de R$ 177 milhões por achá-la injusta.

 

Se eu sou o juiz eu falo que se ela comprovar que um dia o McCartney entrou com o sapato sujo de barro e sujou o chão da sala que ELA havia encerado, então acho justo que ele rache na metade a grana que ele demorou 40 anos para ganhar trabalhando, compondo, produzindo, gravando, etc. Toda buceta tem seu preço, mas tem umas que são bem inflacionadas.

 

Alguns golpes do baú são históricos. Um dos mais clássicos foi o da Ana Nicole Smith, a ex-coelhinha da Playboy casou-se com um milionário de 89 anos. O camarada morreu 14 meses depois com um sorriso na cara, mas que não foi compartilhado pelos seus herdeiros. Esse é o “Baú Clássico” Há, há, há.

 

Outro músico que se lascou com mulheres foi o James Brown. O cara sempre foi mulherengo e agora que ele “bateu as botas” a mulherada está se estapeando pra cair matando na grana do velho, enquanto isso o deixaram, literalmente, apodrecendo dentro do quarto dele, impedindo o seu sepultamento.  Depois disso comecei a achar que o “Rei do Soul” merecia um solene pedido de desculpas dos juízes que o condenaram por bater nas esposas e namoradas.

 

Os três exemplos que citei são se mulheres picaretas, mas o contrário também ocorre. Basta ver nos programas de fofoca o caso da atriz da Globo que foi chifrada pelo marido com uma prostituta. Normalmente mulheres são mais espertas e são mais difíceis de caírem nesse conto. Homens sempre pensam com a cabeça de baixo antes de pensar com a de cima, por isso se fodem mais, há, há, há.

 

 

Cheers

 

Hank

 


Som do dia: “Rock This Bitch” do Ben Folds




- Postado por: Hank às 12h14
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




I Wanna Be Your Dog

Se alguém chegar para você e falar que em tal lugar tem “cerveja pra cachorro”, cuidado pois pode ser que ele não esteja querendo dizer que o lugar tem muita cerveja e sim que tenha cerveja para seu fiel companheiro canino.

 

É isso aí, a Kwispelbier a primeira cerveja para cachorros foi lançada na Holanda (Kwispel significa “abanar o rabo”). Feita com um extrato especial de carne e malte, não contém álcool . O criador da cerveja disse que ia caçar com seus cães e no final do dia, ao tomar sua tradicional cervejinha achou que seus companheiros mereceriam uma breja gelada, então ele desenvolveu o projeto e hoje sua cerveja é vendida por um preço quatro vezes superior ao de uma Heineken.

 

O ser humano acha que é o ser mais inteligente da face da Terra, pra mim são os cachorros. Veja só, antigamente o homem e os nossos amigos caninos andavam separados, disputando a caça que conseguiam abater. Até que o homem resolveu se juntar com os cachorros para utilizá-los como animais de estimação, aí fodeu.

 

Para os cachorros foi um ótimo negócio, já que eles não têm que trabalhar, pois a gente é que tem que se virar para alimentá-los, cuidar de sua saúde, dar banhos, aparar as unhas, etc. Os cachorros tem uma vida digna de um marajá e seu único trabalho é abanar o rabo e eventualmente buscar uma bolinha. Enquanto você está se ralando para garantir o Bonzo (seu e dele) eles estão tirando uma soneca e perseguindo algum gato por pura diversão. Ainda se acha o “esperto” da história?

 

Próximo á minha casa tem um grande petshop e lá tem refrigerante, chocolate, panetone, bolos e sem contar as quinquilharias como roupas e brinquedos. E a loja fica lotada sete dias por semana. Eu mesmo acabo sempre gastando uma boa grana comprando uns ossinhos para a Pinga mastigar evitando assim que ela roa o cabo da minha antena novamente.

 

Os cachorros são chantagistas natos também. Se você não fizer tudo como ele espera corre o risco de ao chegar em casa, encontrar o lixo jogado no meio da sala, um belo “trolho” em cima do tapete ou o livro que estava em cima da cadeira espalhado em centenas de pedaços por todo o escritório.

 

Além de tudo eles são ótimos marketeiros. No acidente do buraco do metrô devia ter uma centena de bombeiros arriscando o pescoço, mas a estrela das TV’s foram as duas cadelas que brincando localizaram as vítimas. As simpáticas labradoras só não deram entrevista ao vivo na Globo porque a emissora não queria na tela ninguém com mais pelo que o Toni Ramos.

 

Não vou me surpreender se depois da cerveja canina ao entrar no petshop encontrar o “Engov” e o “Epocler” para nossos amigos de pelo.

 

Cheers,

 

Hank

 


Som do dia: “I Wanna be Your Dog” do Stooges.



- Postado por: Hank às 11h42
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Rainbow in the Dark

Tem gente que defende a volta da Embrafilme, órgão governamental que financiou inúmeros filmes na época da ditadura com dinheiro público. Esses filmes, a maioria abacaxis monumentais, caíram no esquecimento total. Uma das poucas coisas que o Collor acertou na mosca foi acabar com essa moleza, o que obrigou o cinema nacional a andar pelas próprias pernas e uma ótima geração de cineastas veio á tona e fizemos filmes com boa recepção no exterior.

 

Só que por meio de incentivos governamentais alguns filmes ainda conseguem captar alguns trocados dos impostos do populacho. Esse é o caso de um filme muito singular chamado “A Oitava Cor do Arco-Íris” dirigido por Amauri Tangará, que custou seiscentos mil reais, com cento e trina e nove mil financiados pelo governo do Mato Grosso. Esse filme ficou duas semanas em cartaz em dois cinemas de São Paulo e Rio de Janeiro.

 

O que chama a atenção sobre a película foi o público pagante: Apenas 133 pessoas saíram de casa para assistir o longa, que fala que um garoto que vai á cidade grande vender a cabritinha Mocinha, para comprar remédio para a avó doente. Como foi observado pelo jornalista Jones Rossi do portal G1, o filme levará desse jeito 25 anos para se pagar ou   11 anos e meio para devolver o investido pelo Estado de Mato Grosso.

 

Segundo o crítico Erico Borgo do site Omelete, é um dos piores filmes nacionais já feitos, com atuações amadoras, onde a melhor atuação fica com a cabrita, além de uma trilha sonora pavorosa misturando rock com músicas infantis e roteiro desconexo. Todas as críticas do filme que procurei (tirando as que são cópias de releases distribuídos pelo governo do MT) avacalham com o filme.

 

Um filme para levar apenas 133 pessoas para o cinema deveria entrar para o Guiness Book. Se eu fizer um roteiro sobre um alienígena laranja que tenta arrumar emprego de adestrador de focas na catinga do nordeste e que se apaixona por uma máquina de lavar roupas, eu consigo colocar pelo menos umas 1.000 pessoas na sala.

 

E ainda por cima tem uma lei que obriga as salas de cinema a exibirem pelo menos 28 dias por ano de cinema nacional. Isso é bobagem, pois quando o filme é bom ele encontra naturalmente seu espaço, agora obrigar uma sala a exibir uma bomba dessas é a mesma coisa de convidar um ladrão para roubar a bilheteria de uma semana toda. Nos EUA quando um estúdio faz uma bomba ele sai direto em DVD e pronto. Aqui obriga-se os cinemas a exibir alo que ninguém quer ver.

 

Nos anos 70 / 80 existia uma lei que obrigava as rádios a tocarem uma porcentagem de músicas brasileiras, uma coisa absolutamente inútil, pois o mercado sozinho se adaptou e hoje a maioria da programação das rádios é de música (ruim) nacional. Toda vez que o governo se mete em regulamentar cultura dá merda, pode reparar. Também, o que poderia esperar de um ministro que procurava punks na Freguesia do Ó em SP, quando qualquer jacú paulistano sabia que o berço dos punks era o ABC, do outro lado da cidade.

 

Se o diretor lançar o filme em DVD com a chamada: “Veja o pior filme nacional de todos os tempos, com uma atuação inesquecível da Fernanda Montenegro reencarnada em forma de cabrita”  e colocar na seção de comédia trash, com certeza vai conseguir pagar seu filme em uns....15 anos.

 

Cheers

 

Hank

 


Som do dia: “Rainbow in the Dark” , clássico do Ronnie James Dio



- Postado por: Hank às 02h09
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




What a World Needs Now

Fazer covers é uma coisa complicada, pois sempre existe o problema da comparação com a música original. É uma bagagem complicada de carregar. A maioria das versões raramente ficam comparáveis as originais e é mais complicado ainda quando a banda muda bastante coisa. Mas tem gente que se deram bem, como esses caras ai:

I BELIEVE I CAN FLY - Me First and the Gimmes Gimmes - 1997 - Esse clássico farofa teve uma versão fantástica do "supergrupo" punk Me First and the Gimmes Gimmes, que é um projeto de membros do Nofx, Lagwagon eNo Use For A Name, só de covers. Eles tem albuns muito bons, ótimo para curtir e de divertir. Essa música é do CD "Take a Break".

I DON'T WANT TO GROW UP - Ramones - 1995 - Esse é um cover da música do Tom Waits que ficou com a cara tradicional do Ramones. Gosto muito da versão original também, apesar de ser totalmente diferente. O Ramones era um banda que sabia trabalhar com covers muito bem.

IN MY LIFE - Ozzy Osbourne - 2005 - O Ozzy lançou em 2005 um CD de covers, com algumas versões legais, outras muito chatas. Um dos pontos legais foi essa versão dos Beatles, com um vídeo muito legal, mostrando sua vida em flashback.

WHAT A WORLD NEEDS NOW - Mr. Bungle - 2000  - Esse cover do Burt Bacharach na voz do Mike Patton ficou sensacional. Esse é outro que tem a manha de pergar umas músicas inusitadas e fazer grandes canções.

Cheers,

Hank 

 



- Postado por: Hank às 07h51
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




Febre de Bola

Depois de um  tempo que beirou o infinito começa hoje a temporada 2007 de futebol. Só quem gosta de futebol pra saber a tortura que é esse período de férias dos jogadores. Pra começar os programas de esporte ficam mais chatos do que o normal. É pura especulação e encheção de lingüiça, já que não tem nenhum jogo pra comentar.

 

O torcedor começa a assistir qualquer coisa que tenha bola rolando e descobre que os campeonatos europeus são chatos pra caralho. O Campeonato Espanhol não passa de um Campeonato Mineiro com mais propaganda, o Italiano é o reflexo da seleção campeão do mundo, ou seja, um tédio. Campeonato Inglês só deve ser for para assistir em um Pub.

 

Quando chega a Copa São Paulo de Futebol Júnior é como dar uma bala pra quem tá sem comer á dois dias. É legal ver a molecada jogar, só que ninguém sabe quem são os jogadores, não conhece o nome de ninguém, a gente torce pela camisa.

 

O Paulo César Vasconcelos diz que se acabarem os regionais acabam-se as segundas-feiras também, pois uma das melhores coisas é chegar no trabalho depois de uma vitória do seu time  perante  o time dos colegas. Eu trabalho do lado de três corinthianos fanáticos. Nos últimos quatro anos eles não tiveram nenhuma oportunidade de tirar um sarro da minha cara, em compensação.....

 

Deve voltar nessa semana minha raiva do Galvão Bueno. Ele fala muita merda e consegue me tirar do sério. Ele assiste a um jogo e narra outro. A peleja ta uma bosta e ele quer me convencer que tá um jogão. E tem hora que você quer saber quem está com a bola e ele fica falando merda com o Casagrande ou o Arnaldo. Freqüentemente eu desligo o áudio e ligo meu radinho sintonizado na Jovem Pan AM.

 

Aliás, ouvir jogo em rádio deveria ser proibido para cardíacos. Você começa a imaginar a situação que o narrador está tentando te passar. Conforme o ritmo da voz vai acelerando, vai querendo dizer que a bola está mais próxima da área, e a minha respiração vai ficando mais devagar. Aí o atacante chega na beira da área e chuta......Aqueles milésimos de segundos demoram uma eternidade, fico sem respirar tentando ouvir se a torcida dá algum sinal que a bola tenha entrado ou não, até que o narrador confirma o gol ou diz o tradicional “pra foraaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa! É um sufoco desgraçado. No fim dos noventa minutos você teve que usar mais a imaginação do que se tivesse lido os três livros do “Senhor dos Anéis”.

 

No livro “Febre de Bola” do Nick Hornby (Que não tem absolutamente nada a ver com as adaptações cinematográficas), ele fala das superstições dos torcedores e constato que torcedor é igual em qualquer lugar do mundo.  Aquele lance de ir ao estádio sempre com as mesmas pessoas ver o time ganhar. Se um faltar e o time perder, a culpa não é do perneta do centroavante que perdeu um pênalti, mas sim do seu amigo furão.

 

É isso aí pessoal, boa sorte com seus times nos estaduais (isso não se aplica á Corinthianos, Santintas e Palmeirenses, é lógico). O Paulistão vai ser um ótimo aperitivo para o que vale mesmo que é a Libertadores e Brasileirão, dá-lhe Tricolor.

 

Cheers,

 

Hank

 


Indicação do dia: “Febre de Bola” do Nick Hornby. O livro foi adaptado duas vezes pelo próprio Hornby e que viraram duas comédias românticas. Só que na verdade o livro trata do autobiográfico fanatismo por futebol (o Arsenal no caso). É um livro pra que gosta de futebol e não tem um pingo sequer de romance.




- Postado por: Hank às 19h10
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________






Meu perfil:

Sou Paulista, Paulistano e torço para o São Paulo F.C. Sou desbocado e politicamente incorreto e discuto e não respeito política, religião e futebol sem o menor pudor.

Cerveja e pizza é a base da minha existência.

Ouço basicamente Rock em vários estilos, mas curto um pouco de outros estilos musicais.

 

 

 

The Hank Files:

01/05/2010 a 15/05/2010
16/04/2010 a 30/04/2010
01/04/2010 a 15/04/2010
16/03/2010 a 31/03/2010
01/03/2010 a 15/03/2010
16/02/2010 a 28/02/2010
01/02/2010 a 15/02/2010
01/09/2009 a 15/09/2009
16/08/2008 a 31/08/2008
01/08/2008 a 15/08/2008
16/07/2008 a 31/07/2008
01/07/2008 a 15/07/2008
16/06/2008 a 30/06/2008
01/06/2008 a 15/06/2008
16/05/2008 a 31/05/2008
01/05/2008 a 15/05/2008
01/01/2008 a 15/01/2008
16/12/2007 a 31/12/2007
01/12/2007 a 15/12/2007
16/11/2007 a 30/11/2007
01/11/2007 a 15/11/2007
16/08/2007 a 31/08/2007
01/08/2007 a 15/08/2007
16/07/2007 a 31/07/2007
16/06/2007 a 30/06/2007
01/06/2007 a 15/06/2007
16/05/2007 a 31/05/2007
01/05/2007 a 15/05/2007
16/04/2007 a 30/04/2007
01/04/2007 a 15/04/2007
16/03/2007 a 31/03/2007
01/03/2007 a 15/03/2007
16/02/2007 a 28/02/2007
01/02/2007 a 15/02/2007
16/01/2007 a 31/01/2007
01/01/2007 a 15/01/2007
16/12/2006 a 31/12/2006
01/12/2006 a 15/12/2006
16/11/2006 a 30/11/2006
01/11/2006 a 15/11/2006
16/10/2006 a 31/10/2006
01/10/2006 a 15/10/2006
16/09/2006 a 30/09/2006
01/09/2006 a 15/09/2006
16/08/2006 a 31/08/2006
01/08/2006 a 15/08/2006
16/07/2006 a 31/07/2006
01/07/2006 a 15/07/2006
16/06/2006 a 30/06/2006
01/06/2006 a 15/06/2006
16/05/2006 a 31/05/2006
01/05/2006 a 15/05/2006
16/04/2006 a 30/04/2006
01/04/2006 a 15/04/2006
16/03/2006 a 31/03/2006
01/03/2006 a 15/03/2006
16/02/2006 a 28/02/2006
01/02/2006 a 15/02/2006
16/01/2006 a 31/01/2006
01/01/2006 a 15/01/2006
16/12/2005 a 31/12/2005
01/12/2005 a 15/12/2005
16/11/2005 a 30/11/2005
01/11/2005 a 15/11/2005
16/10/2005 a 31/10/2005
01/10/2005 a 15/10/2005
16/09/2005 a 30/09/2005
01/09/2005 a 15/09/2005
16/08/2005 a 31/08/2005
01/08/2005 a 15/08/2005
16/07/2005 a 31/07/2005
01/07/2005 a 15/07/2005
16/06/2005 a 30/06/2005
01/06/2005 a 15/06/2005
16/05/2005 a 31/05/2005
01/05/2005 a 15/05/2005
16/04/2005 a 30/04/2005
01/04/2005 a 15/04/2005
16/03/2005 a 31/03/2005
01/03/2005 a 15/03/2005
16/02/2005 a 28/02/2005
01/02/2005 a 15/02/2005
16/01/2005 a 31/01/2005
01/01/2005 a 15/01/2005
16/12/2004 a 31/12/2004
01/12/2004 a 15/12/2004
16/11/2004 a 30/11/2004
01/11/2004 a 15/11/2004
16/10/2004 a 31/10/2004
01/10/2004 a 15/10/2004
16/09/2004 a 30/09/2004
01/09/2004 a 15/09/2004
16/08/2004 a 31/08/2004
01/08/2004 a 15/08/2004
16/07/2004 a 31/07/2004
01/07/2004 a 15/07/2004
16/06/2004 a 30/06/2004
01/06/2004 a 15/06/2004
16/05/2004 a 31/05/2004


 

Blogs que visito:

   Follow You, Follow Me
   Allan Sieber
   A Boa Esposa Pensando Naquilo
   Blônicas
   Celtic Skull Products
   Guto Leite
   Lu Cordeiro
   MATUTO MODERNO
   Menina Apimentada
   Na Palma da Minha Mão
   Olívia
   Paulo Freire
   Poeira Zine
   Popload
   Ricardo Rayol
   Ricardo Vignini
   Sakana
   Sexo, Poesia e Bossas
   Sobre Todas as Coisas
   Tânia
   A Matéria do Sonho
   Sem Meias Palavras
   Lixão de Textos
   Tia Augusta
   Killing Travis
   Xico Sá
   Coisas e Coisas
   Mini Contos Perversos


Contador:

 

 

DIVULGUE

 

 

CONTATO

 

 

XML/RSS Feed
O que é isto?

Template by Hank