} // mmLoadMenus() Notas do Velho Safado - By Hank - Quinta "Rodada"


Offside

São Paulo é uma cidade difícil de se viver. Tem trânsito, poluição, violência e um montão de coisas cretinas. Mas tem algumas coisas simples que fazem parte do cotidiano da cidade, que compensa um pouco as dificuldades.

 

Domingo, Estádio do Morumbi, São Paulo contra Ipatinga. Um jogo simples, perfeito para se levar a família e passar umas horas divertidas, sem se preocupar com confusão de torcidas organizadas, lotação excessiva e truculência da polícia, certo? Pois é: Errado.

 

Filas colossais nas bilheterias, cambistas fazendo a festa, desorganização tremenda, muita gente com ingresso não conseguindo entrar no estádio. Uma bagunça gigantesca, e ninguém procurando ajudar os torcedores.

 

Pra piorar o mentecapto mor da megalópole, após perseguir os outdoors e puteiros achou mais um bode expiatório: As barraquinhas de lanche que circundam o estádio. Pra mim é inadmissível imaginar um jogo de futebol sem aquele sanduba de pernil ou calabreza, regado á uma cervejinha gelada.

 

A proibição das barraquinhas criou um problema de alimentação grave, pois nas cercanias do Morumbi (assim como no Pacaembu) não dispõe de lanchonetes. Então se você chegar cedo para comprar ingresso, vai ter que passar fome lá fora.

 

Ao contrário do que muita gente pensa as barracas trabalham com produtos de boa qualidade, além de que a saída do produto é tão grande que nem dá tempo para estragar nada. A maioria dos barraqueiros está lá á anos e tornaram-se pontos de encontro de amigos.

 

O Morumbi ficou um estádio triste. A ausência das barracas tornou o local um troço muito sem graça. E além de tudo a confusão armada pela incompetência conjunta da CBF, São Paulo e Federação Paulista de Futebol, que não conseguem sequer vender a porcaria de um ingresso, para um jogo do Campeão Brasileiro contra um time que briga pra não cair. E esses mesmos “dirigentes” se acham competentes para organizar uma Copa do Mundo. Faz-me rir.

 

Aliás, eu não dou risada, pois não dá pra rir de barriga vazia, e sobrou para a “tiazinha do pernil” que aplacou minha fome por muito tempo. Ir á um jogo é legal por causa de todo o clima. Muitas vezes o futebol é a parte menos legal (como foi nesse jogo).

 

Sinceramente estou de saco cheio de ser feito de idiota. Você paga caro um ingresso, que não te dá conforto e que acham que um banheiro limpo é luxo. Não posso beber uma cervejinha lá dentro por causa de uns legisladores retardados. Não posso sentar onde quiser, mesmo pagando, pois determinados lugares são “propriedade” das “quadrilhas organizadas”. Se você vai de carro tem que pagar uma fortuna para o estacionamento ou para o flanelinha. Tudo isso pra ver um jogo que passa na TV á cabo?

 

Sem a barraquinha não vou conseguir tomar minha cervejinha e como eu não freqüento lugar que não vende cerveja (por isso não entro em igrejas). Só me resta ir ao boteco assistir  o jogo e deixar de prestigiar o time que torço.

 

Gostaria que os políticos, preocupados em desempregar as barraquinhas, usassem da mesma vontade para prender os cambistas, flanelinhas, dirigentes que desviam ingressos e bandidos travestidos de torcedores.

 

Eu sou um torcedor que não compra produtos piratas do meu time, nunca briguei em estádio, não compro ingresso de cambista, não faço parte de “organizadas” e compro meu ingresso sem usar carteirinha falsificada. E agora sinto que não sou muito desejado no estádio. Então, assim como o pernil, vou me pirulitar para outras bandas e ouvir jogo de radinho.

 

Cheers,

 

Hank

 

PS. O Haloscan, que uso como sistema de comentários, não está mais funcionando direito e não permite que eu responda os comentários. Alguém conhece alguma alternativa?

 


Filme do dia: “Offside” – Um filme iraniano que mostra o sufoco de algumas torcedoras de futebol, para assistir um jogo no estádio.



- Postado por: Hank às 14h19
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




The Uninvited Guest

 Li na Folha que uma em cada cinco pessoas gosta de receber mensagens de spam. Dessa vez eu não consegui ficar do lado da minoria, principalmente porque o anti-spam do meu trabalho teve algum problema e na segunda-feira eu recebi mais de 900 mensagens.

Fico até emocionado como esses spamers se preocupam comigo e, principalmente, minha vida sexual. Recebi vários emails com sugestões para aumentar o tamanho do meu pinto. Se fosse encucado ficaria até preocupado, mesmo nunca tendo tido nenhuma reclamação à respeito. Mandaram-me toneladas de emails querendo me vender viagra e produtos pra ejaculação precoce. Ou seja, além de ter pinto pequeno, este não fica duro e quando fica goza rápido. Esse é o perfil do cliente em potencial dos spamers.

É impressionante o número de mensagens querendo me vender “réplicas” de Rolex, Tag Heuer e outras marcas de relógios. O bastante para que eu fique parecido com o rapper Flavor Flav do Public Enemy. É o Cyber-camelô, uma espécie de Galeria-Pagé virtual.

Os caras acham que minha vida é muito sem graça, pois vivem me mandando links para o Charges.com, vídeos engraçados do YouTube e até vídeo do “Créu”. Quanta tentação de desligar alguns neurônios e clicar nos links só pra ver o que acontece.

Minha situação financeira também deve estar ótima, pois vira e mexe um refugiado africano me manda um email pedindo grana emprestada. É claro que ele pagará o dinheiro assim que conseguir sair do país, pois com essas coisas não se brinca. Só que pelo jeito não vou poder dar essa grana, pois meu CPF está pra ser cancelado, segundo outro email que recebi da Receita Federal.

Falando em cancelamentos, meu Gmail, Orkut, Hotmail, UOL, Visa, Mastercard e Yahoo também estão pra ser cancelados, se eu não instalar um programa altamente confiável no meu computador.

Spams são ótimos para fazer amizade também. Eu até recebi umas mensagens muito românticas falando “Eu te amo, clique aqui e veja minhas fotos quentes”. Sem contar aqueles meus velhos amigos de escola que pedem para eu visitar o álbum de fotos de quando estudávamos em alguma escola que nem lembro de ter passado na porta.

Essa é a prova que você nunca mais vai conseguir estar totalmente só. Sempre um spammer vai te encontrar, onde quer que você esteja. E se você é uma daquelas pessoas que gostam de receber spams para não se sentir só, um conselho: compre um cachorro urgente ou comece a freqüentar um boteco.


Cheers,


Hank


Som do dia: “The Uninvited Guest” do Marillion



- Postado por: Hank às 20h10
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________






Meu perfil:

Sou Paulista, Paulistano e torço para o São Paulo F.C. Sou desbocado e politicamente incorreto e discuto e não respeito política, religião e futebol sem o menor pudor.

Cerveja e pizza é a base da minha existência.

Ouço basicamente Rock em vários estilos, mas curto um pouco de outros estilos musicais.

 

 

 

The Hank Files:

01/05/2010 a 15/05/2010
16/04/2010 a 30/04/2010
01/04/2010 a 15/04/2010
16/03/2010 a 31/03/2010
01/03/2010 a 15/03/2010
16/02/2010 a 28/02/2010
01/02/2010 a 15/02/2010
01/09/2009 a 15/09/2009
16/08/2008 a 31/08/2008
01/08/2008 a 15/08/2008
16/07/2008 a 31/07/2008
01/07/2008 a 15/07/2008
16/06/2008 a 30/06/2008
01/06/2008 a 15/06/2008
16/05/2008 a 31/05/2008
01/05/2008 a 15/05/2008
01/01/2008 a 15/01/2008
16/12/2007 a 31/12/2007
01/12/2007 a 15/12/2007
16/11/2007 a 30/11/2007
01/11/2007 a 15/11/2007
16/08/2007 a 31/08/2007
01/08/2007 a 15/08/2007
16/07/2007 a 31/07/2007
16/06/2007 a 30/06/2007
01/06/2007 a 15/06/2007
16/05/2007 a 31/05/2007
01/05/2007 a 15/05/2007
16/04/2007 a 30/04/2007
01/04/2007 a 15/04/2007
16/03/2007 a 31/03/2007
01/03/2007 a 15/03/2007
16/02/2007 a 28/02/2007
01/02/2007 a 15/02/2007
16/01/2007 a 31/01/2007
01/01/2007 a 15/01/2007
16/12/2006 a 31/12/2006
01/12/2006 a 15/12/2006
16/11/2006 a 30/11/2006
01/11/2006 a 15/11/2006
16/10/2006 a 31/10/2006
01/10/2006 a 15/10/2006
16/09/2006 a 30/09/2006
01/09/2006 a 15/09/2006
16/08/2006 a 31/08/2006
01/08/2006 a 15/08/2006
16/07/2006 a 31/07/2006
01/07/2006 a 15/07/2006
16/06/2006 a 30/06/2006
01/06/2006 a 15/06/2006
16/05/2006 a 31/05/2006
01/05/2006 a 15/05/2006
16/04/2006 a 30/04/2006
01/04/2006 a 15/04/2006
16/03/2006 a 31/03/2006
01/03/2006 a 15/03/2006
16/02/2006 a 28/02/2006
01/02/2006 a 15/02/2006
16/01/2006 a 31/01/2006
01/01/2006 a 15/01/2006
16/12/2005 a 31/12/2005
01/12/2005 a 15/12/2005
16/11/2005 a 30/11/2005
01/11/2005 a 15/11/2005
16/10/2005 a 31/10/2005
01/10/2005 a 15/10/2005
16/09/2005 a 30/09/2005
01/09/2005 a 15/09/2005
16/08/2005 a 31/08/2005
01/08/2005 a 15/08/2005
16/07/2005 a 31/07/2005
01/07/2005 a 15/07/2005
16/06/2005 a 30/06/2005
01/06/2005 a 15/06/2005
16/05/2005 a 31/05/2005
01/05/2005 a 15/05/2005
16/04/2005 a 30/04/2005
01/04/2005 a 15/04/2005
16/03/2005 a 31/03/2005
01/03/2005 a 15/03/2005
16/02/2005 a 28/02/2005
01/02/2005 a 15/02/2005
16/01/2005 a 31/01/2005
01/01/2005 a 15/01/2005
16/12/2004 a 31/12/2004
01/12/2004 a 15/12/2004
16/11/2004 a 30/11/2004
01/11/2004 a 15/11/2004
16/10/2004 a 31/10/2004
01/10/2004 a 15/10/2004
16/09/2004 a 30/09/2004
01/09/2004 a 15/09/2004
16/08/2004 a 31/08/2004
01/08/2004 a 15/08/2004
16/07/2004 a 31/07/2004
01/07/2004 a 15/07/2004
16/06/2004 a 30/06/2004
01/06/2004 a 15/06/2004
16/05/2004 a 31/05/2004


 

Blogs que visito:

   Follow You, Follow Me
   Allan Sieber
   A Boa Esposa Pensando Naquilo
   Blônicas
   Celtic Skull Products
   Guto Leite
   Lu Cordeiro
   MATUTO MODERNO
   Menina Apimentada
   Na Palma da Minha Mão
   Olívia
   Paulo Freire
   Poeira Zine
   Popload
   Ricardo Rayol
   Ricardo Vignini
   Sakana
   Sexo, Poesia e Bossas
   Sobre Todas as Coisas
   Tânia
   A Matéria do Sonho
   Sem Meias Palavras
   Lixão de Textos
   Tia Augusta
   Killing Travis
   Xico Sá
   Coisas e Coisas
   Mini Contos Perversos


Contador:

 

 

DIVULGUE

 

 

CONTATO

 

 

XML/RSS Feed
O que é isto?

Template by Hank